Notícias

Vila Esperança no IV Fórum Nacional Escola de Educação Básica Para Todos: vivências sistêmicas

Robson Max participou da roda de conversa “Espiritualidade, Educação, Escola e Família”

O IV Fórum Nacional Escola de Educação Básica Para Todos: vivências sistêmicas é um evento científico e cultural que compõe o calendário anual de atividades acadêmicas do Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação da Universidade Federal de Goiás (CEPAE/UFG) e que neste ano ocorre on-line.

O Antropólogo Robson Max de Oliveira Souza, diretor do Espaço Cultural Vila Esperança e Babalorixá do Egbẹ́ Omoduà Opo Ọdẹ Àróle, participou na noite de 08/09/2020 da roda de conversa “Espiritualidade, Educação, Escola e Família”, juntamente com Mariana Kaadi Pio e Reginaldo Fragoso Marinho, com mediação de Allysson Fernandes Garcia, Andréa Hayasaki Vieira e Almiro Schulz.

Robson Max trouxe em suas palavras a experiência da Escola Pluricultural Odé Kayodê, da vivência pela circularidade, afetividade e como tem sido neste momento de distanciamento social. Robson destacou que a busca da escola é pela identidade, pela autonomia e por uma espiritualidade que vai além da religiosidade. Segundo ele, baseado na tradição dos Orixás, a busca da espiritualidade é algo inerente ao ser humano. Essa transcendência se manifesta no corpo, na coletividade, na família e nas famílias mais amplas. “O mais importante é a busca da possibilidade de fazer as coisas em coletividade. Que sejamos capazes de fazer a conexão com o divino no outro. A gente enxerga o divindade no outro. Nele está a ancestralidade, o tempo o espaço e os reinos mineral, animal, vegetal”. Segundo Robson Max o encanto da educação é viver com o outro numa educação lúdica e afetiva.

Acesse aqui o vídeo da live: https://youtu.be/OMlHfW0doaQ

Acesse aqui o site do evento http://forumescolaparatodos.com.br

Comments are closed.

Powered by: Wordpress